Mercado interno: preços do milho voltam a se firmar

milho giro rural 768x432 - Mercado interno: preços do milho voltam a se firmar

Maio foi um mês positivo para o mercado interno do milho. Mesmo em meio ao começo da colheita da segunda safra no Brasil, a expectativa é de uma boa produtividade.

Entre os fatores responsáveis pela sustentação dos preços (em reais) está a valorização pontual do dólar e também e o clima adverso e os constantes atrasos na semeadura nos Estados Unidos.

A Scot Consultoria realizou um levantamento e constatou que, na região de Campinas, em São Paulo, a saca de 60 quilos encerrou o mês cotada em R$38,00, tirando o frete. Isso depois das mínimas ao redor de R$32,00-R$33,00 negociados por saca até a metade do mês.


Apesar de subir 7,0% no acumulado de maio, as cotações ainda foram bem abaixo do que foi registrado no primeiro trimestre de 2019.


Para o curto prazo, existe a expectativa de preços firmes no mercado nacional devido em função da situação adversa nos Estados Unidos, além da boa movimentação para exportação e câmbio incerto.


Em uma análise geral, a situação positiva de produção na segunda safra brasileira (2018/19) e a evolução da colheita no Brasil são fatores que dificultam as altas nas cotações em junho.

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *