Laranja: Pesquisadores desenvolvem controle biológico contra o amarelão

Pomar de laranjas coheita 768x432 - Laranja: Pesquisadores  desenvolvem controle biológico contra o amarelão

O amarelão ou greening é a principal doença que afeta a produção de laranja no Brasil, causando prejuízos a muitos produtores, mas pesquisadores que atuam no cinturão citrícola de São Paulo e Minas Gerais já trabalham em uma forma de combater o problema desenvolvendo um controle biológico para um combate eficaz.

Na região, que é a principal produtora de laranja do país, o greening registrou um crescimento de 4,8% em apenas um ano.

Os dados são do Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus), que apesar de avaliar crescimento da doença como pequeno, não desconsidera que a situação é preocupante.

Para se ter uma ideia do estrago que o amarelão causa nas produções, a doença foi responsável pela erradicação de mais de 56 milhões de pés de laranja.

A doença é transmitida por um inseto conhecido como psilídeo, que no momento se concentra fora das grandes plantações de laranja.

Controle contra doença da laranja é feito por vespas

Baseado nestes dados, o Fundecitrus tem como estratégia tentar convencer os produtores de plantas não comerciais de frutas cítricas a fazer uma troca por outras árvores frutíferas.

Em caso de negativa, adota-se o uso do controle biológico feito com uma vespa com o nome científico de Tamarixia radiata.

A vespa deposita os ovos na ninfa do psilídeo (fase antes do inseto se tornar adulto). Assim, a larva da vespa começa a se desenvolver dentro da ninfa, se alimentando dela até seu crescimento.

A ninfa parasitada então morre e dessa forma é interrompido o ciclo de reprodução do psilídeo.

Aproximadamente 3 milhões de vespas já foram soltas nos laranjais para dar início ao controle do avanço da praga.

Segundo o pesquisador do Fundecitrus Renato Bassanezi, o objetivo da ação é evitar que o inseto criado nessas plantas que não tem o manejo adequado da doença alcance as propriedades comerciais e acabe contaminando as plantas.