China poderá ampliar investimentos no agronegócio brasileiro

Design 2 768x432 - China poderá ampliar investimentos no agronegócio brasileiro

Diante das incertezas em relação aos Estados Unidos, os chineses enxergam o Brasil como o parceiro ideal na solução dos problemas comerciais dentro do agronegócio. A China está atenta nas áreas que podem ser fundamentais para realizar investimentos, como é o caso das cidades de Sinop (MT) e Itaituba (PA). O investimento pode chegar a R$ 3,37 bilhões.

Em um momento de instabilidade, o Brasil por ser o apaziguador entre Estados Unidos e China, tendo em suas mãos dois importantes parceiros comerciais. A intenção dos chineses até então é considerada ousada, principalmente nos setores que perderam força no país com o passar dos anos, como as ferrovias, por exemplo. O país asiático também pretende investir em peso nas áreas de sementes e suinocultura, além de melhorar a infraestrutura. O número de investimentos pode chegar a 40. Tudo o que envolve o agro no Brasil é estratégico para a China e o Brasil.

Tudo favorece para que o Brasil possa receber investimentos em massa, dependendo apenas do interesse do governo que já acenou positivamente e enviou a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, para uma missão na Ásia, onde se reúne com empresários do setor para possíveis parcerias comerciais.

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *